Untitled Document
Boa tarde, 03 de fev
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   
Reciclagem

Quinta-feira, 04 de Outubro de 2012

 
     

Comitesinos pede madeira de campanhas eleitorais para proteger mudas

  

“Elas são ótimas para servirem de monitor (aquela madeira fincada ao lado da muda recém-plantada e onde ela é amarrada, para proteção)”, explica a coordenadora do Centro hamburguense, Solange Mânica.

  


Por Castor Becker Júnior - Comitesinos

Às vésperas das eleições municipais deste ano (e do primeiro turno, para Canoas), o Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos (Comitesinos) está pedindo aos candidatos a prefeito e vereador a madeira de seus materiais de campanha. A ideia é, quando os políticos retirarem sua propaganda das ruas, aproveitar as ripas nas ações do Projeto VerdeSinos. Segundo a secretária-executiva do Comitesinos, Viviane Nabinger, o material é útil para, por exemplo, desde a proteção de mudas em área de replantio até a colocação de placas indicativas de espécies nos viveiros de plantas.

A iniciativa de reaproveitar a madeira dos materiais de campanha não é inédita no Comitê de Bacia. Em 2010, a entidade havia pedido as ripas de um candidato a deputado da região e o material encheu duas cargas de caminhão. Na época, toda a madeira foi depositada no Centro de Educação Ambiental Ernest Sarlet (CEAES), em Novo Hamburgo. O CEAES é um dos centros ambientais da região que fornecem mudas e guardam materiais para o VerdeSinos. Conforme Viviane, como há expectativa de uma arrecadação maior de material, desta vez a madeira deverá ser distribuída entre outros centros ambientais da região.

Demanda

De toda madeira guardada ali em 2010, restam apenas cerca de 300 ripas de 1,5 metro de comprimento. “Elas são ótimas para servirem de monitor (aquela madeira fincada ao lado da muda recém-plantada e onde ela é amarrada, para proteção)”, explica a coordenadora do Centro hamburguense, Solange Mânica. Segundo ela, entre as ações mais recentes, parte das ripas remanescentes foi para o plantio de mudas junto ao loteamento da Cooperativa Habitacional e de Consumo dos Servidores Municipais (Coopserv), neste final de semana, em Lomba Grande. “E outras vão para o plantio do VerdeSinos que vai ocorrer no Balneário Vítor Mateus Teixeira, no próximo dia 28”. Junto ao Rio dos Sinos, também em Lomba Grande.

Além da produção e plantio de mudas em toda a região, o material de campanha serviu também para a colocação de placas nos canteiros de chás do CEAES, para o conserto de cadeiras usadas pelos estudantes que visitam o local e ainda para a reforma do galinheiro existente no espaço. Vale lembrar que o Centro é também referência para ações do Projeto Dourado, outra ação do Comitesinos voltada para educação ambiental e que ocorre em parceria com prefeituras e entidades de toda a Bacia do Sinos.

Projeto Verdesinos

Projeto VerdeSinos abrange atualmente 20 municípios, com 183 propriedades com adesões oficializadas para ações de recuperação ambiental, totalizando 165 hectares de área replantada. Mais de 2,8 mil pessoas mobilizadas na Bacia do Sinos, 51,2 mil mudas plantadas em margens de rios ou arroios na região, 143,5 mil metros de arames, 232 kg de grampos e 6,3 mil mourões para cercas protegendo áreas em recuperação. A iniciativa prevê a recuperação de 330 hectares de mata ciliar na Bacia do Rio dos Sinos. E é encabeçada pelo Comitesinos e pela Fundação Universitária para o Desenvolvimento do Ensino e da Pesquisa (Fundepe), com apoio do Ministério Público Estadual (MP), Emater, Instituto Riograndense do Arroz (Irga), sindicatos rurais, Unisinos, Faccat, Feevale e outras instituições da região, além de prefeituras.

Com um patrocínio de R$ 1,3 milhão do Programa Petrobras Ambiental, sua estratégia se baseia na adesão voluntária dos proprietários de áreas ribeirinhas (que cedem o espaço para o replantio), na ação de entidades e voluntários que fazem o replantio e garantem acompanhamento técnico nos locais recuperados, e na adesão de mais parceiros para fornecimento de insumos e voluntários para as ações. Sem falar na pesquisa científica para estabelecer influencia de cada faixa recuperada na vida terrestre e aquática e qual a melhor maneira de realizar as ações.

O VerdeSinos surgiu de um projeto piloto iniciado em 2007, buscando recursos materiais e pessoal entre seus parceiros. Em 2009 veio a etapa de patrocínio do Petrobrás Ambiental, que “vitaminou” as ações com aporte para materiais, pesquisas e estufas. E a perspectiva é que se torne um programa permanente, com a continuidade das ações voluntárias e adesões de proprietários, bem como adesão de novos parceiros e destinação de recursos de compensações ambientais (a exemplo do Projeto Rio da Ilha).


Serviço

Comitesinos
Ramal Interno: 5508
Fone Externo: 51 3590.8508
Site: www.comitesinos.com.br

 

Comitesinos/EcoAgência

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008