Untitled Document
Boa tarde, 02 de dez
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   
Orgânicos

Sexta-feira, 15 de Fevereiro de 2013

 
     

Uva orgânica é o destaque da FAE, em Porto Alegre, neste sábado

  

A Cooperativa Aecia vairealizar oficinas para mostrar como produz o suco de uva sem açúcar e aditivos químicos. E a nutricionista Herta Karp Wiener falará dos seus valores nutricionais, promovendo a degustação de alguns grãos e o do “Bolo Rápido de Uva”.

  

NEJ/RS - EcoAgência    
A Feira comercializa as varieades isabel, niágara branca e rosa, rainha Itália, champanhe preta, bordô e rosada göeth


Por Com informações da jornalista Cláudia Dreier, assessora de imprensa da FAE

A Feira dos Agricultores Ecologistas (FAE) destaca, neste sábado (16)  a uva orgânica. Vinda de Antônio Prado e com cinco bancas na FAE, a Aecia irá realizar oficinas para mostrar como produz o suco de uva sem açúcar e aditivos químicos.  Para conhecer mais sobre essa típica fruta de verão, a nutricionista Herta Karp Wiener falará dos seus valores nutricionais, promovendo a degustação de alguns grãos e o do “Bolo Rápido de Uva”.
 
Sendo conhecidas mais de uma centena de variedades da fruta, as cultivadas de maneira orgânica disponíveis aos frequentadores da FAE são: a isabel, a niágara branca e rosa, a rainha Itália, a champanhe preta, a bordô e a rosada göeth. Elas estão presentes nas bancas Aecia, na APESC e na Banca das Maçãs. 
 
Oficina de suco
 
Para muitos é difícil de acreditar que um suco pode ser feito apenas com o líquido da uva, sem água, açúcar ou conservantes. A oficina de suco integral de uva orgânica, a ser realizada às 9h e às 11h, junto à Banca do Caldo-de-cana irá demonstrar como esse suco pode ser feito,
 
O processo de produção, realizado há 20 pela Associação dos Agricultores Ecologistas do Centro de Ipê e Antônio Prado, a Aecia, utiliza um equipamento especial. “Fazemos o suco pelo processo de arraste a vapor, usando uma panela suqueira” explica Jamir Vígolo, produtor da feira e futuro coordenador da Aecia.
 
Em 1993, a primeira suqueira da entidade comportava apenas dois quilogramas de uva. Hoje, com um equipamento maior, são processados de 16 a 17 quilos originando de 10 a 11 litros de suco engarrafados a uma temperatura de 80 graus centígrados.
 
“Essa temperatura é ideal, pois elimina os microrganismos maléficos e não chega a esterilizar o suco, deixando nele microrganismos importantes para a saúde” explica a nutricionista Herta Karp Wiener. Embalado em garrafas de vidro, o suco fechado têm validade de dois anos ou mais, se for guardado em local escuro.
 
Ao ser aberta, a garrafa de suco de uva deve ser mantida refrigerada e consumida em até cinco dias. Como no suco ainda existem pequenos seres vivos benéficos, estes podem levar à fermentação do suco e quebra do recipiente caso não forem observados os cuidados descritos acima.
 
Riscos e benefícios à saúde
 
“O suco orgânico vendido na feira tem a grande vantagem de estar livre de conservantes e aditivos químicos” esclarece a nutricionista Herta. As substâncias sintetizadas artificialmente que impedem a fermentação dos sucos convencionais não entram no processo digestivo: “ficam viajando pelo corpo procurando um local para ficar, pois não conseguem ser expulsas pelo aparelho digestório”.
 
Segundo Herta, esses componentes tão usuais na indústria alimentícia moderna podem acumular-se nos ossos provocando reumatismo. Em órgãos mais sensíveis como rins, vesícula e fígado costumam dar origem às doloridas pedras. Ainda no fígado, em alguns casos, agem sobre as células hepáticas causando cirrose e também outros tipos de câncer conforme o local onde se estabelecerem.
 
Consumida há vários milênios, a uva possui um valor nutricional muito grande. “No passado eram feitas curas de uva, onde as pessoas ficavam três semanas alimentando-se somente de uvas”, conta Herta. Os valores da fruta serão explicados por ela na Banca do Meio, a partir das 9h30min. Os que desejarem degustar o “Bolo rápido de uva”, uma receita que não utiliza fermento, devem passar na banca às 10h. A partir desse horário serão também degustadas variedades de uva orgânicas oferecidas pela feira.
 
Em caso de chuva muito forte o evento “ Dia de uva na FAE” será cancelado.
 
A Feira dos Agricultores Ecologistas realiza-se há vinte e três anos na primeira quadra da avenida José Bonifácio, em Porto Alegre, aos sábados das 7h às 13h. Desde 2006, ela está sob a responsabilidade da Associação Agroecológica, que agrega os produtores da feira e trabalha pela garantia de conformidade na produção orgânica. 
 

FAE - EcoAgência

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008